top of page
  • Foto do escritorEPM

Prefeitura amplia sistema de transporte coletivo em 237 viagens


Vinte e duas linhas terão acréscimo na tabela de horários a partir de segunda-feira. Foto: César Lopes l/PMPA

A Prefeitura de Porto Alegre, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (SMMU) e Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), anuncia mais uma etapa do programa de reestruturação Mais Transporte. Serão 237 viagens a mais em 22 linhas de transporte coletivo da Capital, a partir desta segunda-feira, 1º de agosto.

As linhas terão ajustes de tabela horária e aumento de oferta, o que melhora a frequência do atendimento em toda a tabela, principalmente nas faixas do pico da manhã e tarde. Com essa qualificação, o sistema passa contar com 1.592 viagens a mais desde o início da implantação do programa.

A 11ª etapa de ampliação faz parte de um conjunto de medidas a fim de melhorar o serviço para a população. “A análise que a nossa equipe técnica faz é diária, sempre com o foco no atendimento ao passageiro. Esta é apenas mais uma etapa, ainda temos novos incrementos previstos para seguir qualificando o serviço”, destaca o secretário de Mobilidade Urbana, Adão de Castro Junior.

Ampliações a partir desta segunda-feira, 1º Linha 346 - São José terá mais cinco viagens por sentido; Linha 347 - Alameda terá mais cinco viagens por sentido; Linha 375 - Agronomia/Informática terá mais seis viagens por sentido; Linha 441 - Antônio de Carvalho terá mais oito viagens por sentido; Linha 492 – Petrópolis/Sesc terá mais nove viagens por sentido; Linha 394.4 - Mapa via Parada 4 terá 19 viagens, sendo nove no sentido bairro ao Centro e dez no sentido Centro ao bairro. Linha 361 - Cefer terá mais sete viagens por sentido; Linha A348 - Alimentadora Jardim Bento Gonçalves terá mais 12 viagens; Linha A360 - Alimentadora Jardim Ipê terá mais 11 viagens; Linha 621 - Nova Gleba/Sta. Rosa terá mais seis viagens, sendo três viagens por sentido; Linha 631 - Parque dos Maias terá mais oito viagens, quatro viagens por sentido; Linha B25 - Arroio Feijó/Humaitá terá mais dez viagens; Linha B55 - Protásio/Humaitá terá mais três viagens; Linha 173 - Camaquã terá mais 16 viagens, sendo oito viagens por sentido; Linha 176 - Serraria/Rodoviária será reativada e vai operar com 28 viagens, sendo 14 viagens por sentido; Linha 179.5 - Serraria/Guaíba/Diário será reativada e vai operar com quatro viagens, sendo duas viagens por sentido; Linha 216 - Restinga/Glória terá mais três viagens, sendo uma no sentido bairro-terminal e duas no terminal-bairro; Linha 270.1 - Grutinha/via Amapá terá mais 15 viagens, sendo uma no bairro ao Centro e sete no Centro ao bairro; Linha A19 - Hospital Restinga terá mais 20 viagens, sendo dez no bairro-terminal e dez no terminal-bairro; Linha R4 - Rápida/Restinga Velha terá mais duas viagens, sendo uma no bairro ao Centro e uma no Centro ao bairro; Linha A15 - Escola Técnica Restinga/Hospital terá mais três viagens; Linha A69 - Alimentadora Canta Galo/Belém Novo será reativada em dias úteis, e terá quatro viagens, sendo uma no bairro-terminal e três no terminal-bairro;

Linhas com alterações na tabela para adequação de operação – Linhas A09, A11, A18 e A74. Linhas sem cobrador - Outras 20 linhas de transporte coletivo estão autorizadas a circular sem cobrador. A liberação foi publicada no Diário Oficial de Porto Alegre (Dopa) desta sexta-feira, 29. Com isso, a redução chega a 20% do quadro de cobradores - a previsão é atingir 25% até o fim deste ano. A prefeitura assinou em junho com o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest/Senat) protocolo de intenções de incentivo à qualificação dos profissionais do transporte coletivo. O Sest Senat tem mais de 250 cursos de Educação à Distância e mais de 500 presenciais em toda a área do transporte e mobilidade logística. Entre as atividades oferecidas estão: curso para preparar motoristas para movimentação operacional de produtos perigosos (MOPP), Curso de Carga Indivisível, qualificação de motoristas e qualificação profissional para cobrador. Este último tem como objetivo qualificar, gratuitamente, cobradores de ônibus que desejam trabalhar como motoristas profissionais.


 

Texto: Gabriela Duarte

Edição: Fabiana Kloeckner

21 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page