top of page
  • Foto do escritorEPM

Porto Alegre recebe doação para arborização e embelezamento do Centro Histórico


Secretários Matheus Ayres (Mobilidade) e Cezar Schirmer (Planejamento) acompanharam a ação

Nesta segunda-feira, 7, a Prefeitura de Porto Alegre recebeu 25 floreiras feitas de material reciclável, para tornar mais sustentável e arborizado a área central da cidade. Os vasos serão instalados na região da avenida Borges de Medeiros e no Centro Histórico, em locais definidos pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana. A operação para instalação é feita pela Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e deve ser concluída ainda nessa semana.


Cada floreira é feita a partir da reciclagem de aproximadamente 30 mil unidades de sacolas plásticas. Os vasos possuem árvores como Palmeiras, Jabuticabeira, Plátanos, Cerejeiras Japonesa, Canelas, entre outras, com cerca de cinco anos de idade cada, que pesam, em média, cerca de 1 tonelada. “Essas intervenções agregaram no embelezamento do nosso Centro Histórico, além de auxiliar na segurança viária, contemplando melhor fluidez dos carros e proteção aos pedestres”, disse o secretário de Mobilidade Urbana, Matheus Ayres.


As árvores também promovem a ocupação do espaço público e mais saúde para população. “Um espaço público mais agradável, que utiliza arborização para auxiliar na segregação dos espaços, qualifica também a segurança viária na região central”, ressalta o diretor-presidente da EPTC, Paulo Ramires.


“Essa é uma iniciativa louvável, uma inovação que vai ajudar a melhorar o ambiente da cidade, viabilizada por um empresário com foco na sustentabilidade e na reciclagem correta dos materiais”, declara o secretário do Meio Ambiente, Urbanismo e Sustentabilidade (Smamus), Germano Bremm.


As árvores, que estão no Largo Glênio Peres, também serão deslocadas para outros pontos do Centro

A doação foi feita pela empresa Suzuki Recicladora, com intermediação da Braskem. “Após o nosso consumo de qualquer material, seja papel, vidro, metal ou plástico, devemos destinar nossos resíduos para o lixo seco, para a devida reciclagem dos materiais, contribuindo para a geração de trabalho e renda dos trabalhadores da reciclagem e a preservação do ambiente”, afirma Jorge Suzuki, proprietário da empresa que disponibilizou a doação.

Para o secretário municipal de Planejamento e Assuntos Estratégicos, Cezar Schirmer, a ação conversa com outras medidas adotadas no projeto Centro +, que tem como objetivo a revitalização da área central.“Essa iniciativa promove a sustentabilidade, com a reciclagem de matérias, e qualifica a arborização da cidade, dando mais qualidade de vida à população. Isso sem falar na extrema importância do engajamento da sociedade civil para melhorar o Centro Histórico”, finalizou.

 


Texto: Gabriela Duarte

Edição: Lucas Barroso

Fotos: Cesar Lopes/ PMPA




120 visualizações0 comentário
bottom of page