top of page
  • Foto do escritorEPM

Operação Duas Rodas abordou mais de 6,5 mil motociclistas este ano


Operações buscam também educar os motociclistas. Foto: Jaqueline Moura/ EPTC/ PMPA

De janeiro a 17 de julho de 2023, o setor de fiscalização da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) realizou 6.518 abordagens dentro da Operação Duas Rodas. A ação é voltada para motociclistas e busca coibir adulterações, excessos de velocidade e reduzir acidentes. Durante as abordagens foram autuados 2.374 motoristas, sendo que 251 estavam sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, por meio da EPTC, tem intensificado as operações e realizado iniciativas conjuntas com a equipe de Educação para a Mobilidade e Fiscalização para conscientizar os motociclistas sobre a responsabilidade no trânsito.

Nessa quarta-feira, 19, mais uma operação ocorreu na rua Leopoldo Bier, no bairro Santana. Noventa veículos foram abordados, sendo 38 foram autuados. Foram recolhidas seis motocicletas e 18 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV).

“Apesar de representar apenas 12% da frota de veículos, os motociclistas têm grande impacto no trânsito de Porto Alegre e representam quase metade das mortes neste ano. Esses dados nos levam a fazer um trabalho bastante focado nesse público para ampliar a conscientização e promover maior segurança viária”, afirma o diretor-presidente da EPTC, Pedro Bisch Neto.

O motociclista João Mankowski foi um dos condutores abordados sem nenhum tipo de irregularidade e ressaltou a importância da operação. “Esse tipo de ação é muito importante porque garante a segurança viária de todos, inclusive dos pedestres", disse.

Dados - Em 2022 foram registradas 41 vítimas fatais com envolvimento de motocicletas, sendo 35 condutores, dos quais 17 não estavam habilitados, além de cinco pedestres atropelados por motos e mais um ocupante da carona. “Estamos agindo para evitar estas ocorrências e manter uma circulação segura nas ruas de nossa cidade”, afirmou o diretor de operações da EPTC, Cirilo Faé.

 
Texto: Jaqueline Moura e Aline Rimolo
Edição: Lissandra Mendonça
5 visualizações0 comentário
bottom of page