top of page
  • Foto do escritorEPM

EPTC realiza ação educativa com grupo de idosos para segurança no trânsito


Grupo da Longevidade Viva a Vida completou 39 anos nesta quarta-feira. Foto: EPTC/Divulgação PMPA

A Secretaria de Mobilidade Urbana, por meio da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), realizou nesta quarta-feira, 26, uma roda de conversa musicada e palestra para 54 idosos do Grupo da Longevidade Viva a Vida, sediado na Unidade de Saúde Conceição, que atende os bairros Cristo Redentor, Jardim Europa e Vila Ipiranga, na Zona Norte da Capital. Nesta data, a organização, iniciada em 1989, que desde 2010 participa do programa Pedestre Idoso, completa seu aniversário de 37 anos. A equipe da Escola Pública de Mobilidade da EPTC foi convidada a comemorar este dia especial.

“O Pedestre Idoso é a principal ação da EPTC relativa a este público tão especial e vulnerável. O objetivo é continuar a orientar os idosos sobre os riscos nas ruas e assim reduzir ainda mais o número de mortes no trânsito", destaca a engenheira Diva Yara Mello Leite, coordenadora do Programa Vida no Trânsito. Em 2016, quase 60% dos pedestres que morreram em Porto Alegre eram idosos; atualmente, este percentual reduziu para 44%.

Com o início do Programa Vida no Trânsito (PVT), em 2016, as ações educativas para o trânsito voltadas para este grupo se fortaleceram. A ação busca reduzir o número de vítimas, pois os idosos são os pedestres que mais morrem em sinistros de trânsito em Porto Alegre. Neste ano, até março, dos sete óbitos registrados, quatro eram idosos.

O projeto Conversa Musicada, que faz parte do programa Pedestre Idoso, completa um ano no próximo mês de maio. Com palestras e dinâmicas compostas por música, o projeto já passou por diversos grupos de idosos na cidade de Porto Alegre.

“Acredito que o aprendizado se fortalece quando é repetido. E se tivermos mais vezes a EPTC para passar esse recado, teremos mais pessoas conscientizadas para aproveitar a vida”, comenta a presidente do Grupo da Longevidade Viva a Vida, Cristina Padilha Lemos.

Pedestre Idoso - O projeto tem como objetivo reunir diferentes setores da sociedade para promover uma nova compreensão sobre a mobilidade do idoso na cidade e, a partir disso, planejar e executar ações para mudar o quadro de lesões e mortes no trânsito.

Vida no Trânsito - Porto Alegre integra o programa Vida no Trânsito (PVT), coordenado pelo Ministério da Saúde, e desde 2012 faz a análise de todos os sinistros de trânsito com vítimas fatais, com o objetivo de identificar os fatores e condutas de risco que resultaram em ocorrências com mortes. As causas de sinistros de trânsito decorrem, na sua maioria, de ações comportamentais dos usuários das vias. A partir da identificação desses fatores e condutas de risco, utilizados como subsídio para as áreas de educação, planejamento e fiscalização, a EPTC realiza suas ações direcionadas para a prevenção de novas ocorrências e a redução do número de vítimas no trânsito.



 
Texto : Caroline Callai (estagiária) /Supervisão: Gustavo Roth
Edição: Gilmar Martins
20 visualizações0 comentário

Comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación
bottom of page