top of page
  • Foto do escritorEPM

EPTC divulga balanço de acidentalidade entre janeiro e fevereiro


EPTC intensificou as ações de fiscalização. Foto: Alex Rocha/PMPA

O balanço da acidentalidade dos dois primeiros meses de 2023, janeiro e fevereiro, mostrou que foram registradas sete vítimas fatais em acidentes de trânsito, sendo seis delas somente no mês de janeiro. Em comparação com o período de 2022, uma vida a mais foi salva. Entre as vítimas fatais o envolvimento maior é de pedestres e a faixa etária mais impactada é a de 26 a 36 anos.

Com o objetivo de diminuir os números de acidentes de trânsito, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) tem intensificado a fiscalização. “Vamos continuar realizando as nossas ações de educação e fiscalizações para garantir segurança viária. Também ressaltar a importância da fiscalização, tendo em vista o alto número de motociclistas envolvidos em acidentes. Nosso objetivo continua sendo diminuir os acidentes, mas é importante que cada cidadão se perceba responsável neste tema”, conclui o diretor-presidente da EPTC, Paulo Ramires.

Em janeiro e fevereiro, foram registrados acidentes envolvendo todos os modais, sendo carros e motos os responsáveis pelo maior percentual de acidentes de trânsito. Além dos modais, 57% das vítimas fatais nos dois primeiros meses do ano eram pedestres. Em 2023, o número de acidentes entre janeiro e fevereiro foi de 2.714, e em 2022, foi de 2494. Desses números, mais da metade são pedestres e motociclistas. Após o fechamento consolidado do balanço da acidentalidade do ano passado, o ano terminou com 74 vidas perdidas.

Segurança viária - Para auxiliar na redução da acidentalidade, a prefeitura lançou, em 2022, o Plano de Segurança Viária. Ele estabelece diretrizes de planejamento e gestão da segurança viária, com metas para reduzir a acidentalidade no trânsito. Segue os propósitos de desenvolvimento sustentável definidos pela Organização das Nações Unidas (ONU) em sua agenda 2030.


 
Texto: Jaqueline Moura
Edição: Andrea Brasil
15 visualizações0 comentário
bottom of page