top of page
  • Foto do escritorEPM

Ciclovia na Orla do Guaíba tem alteração de percurso a partir deste sábado


Ciclovia do Parque Pontal faz a ligação segura entra as ciclos da orla. Foto: Gustavo Roth / EPTC / PMPA

Após período de testes da ciclovia de contemplação implantada no Parque Pontal, que apresentou melhorias na segurança viária em relação ao trecho junto do leito viário, a Secretaria de Mobilidade Urbana (SMMU) e a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) informam alteração no percurso cicloviário a partir deste sábado, 26, na antiga área do Estaleiro Só, na Zona Sul da Capital. O fluxo de bicicletas da Orla do Guaíba será direcionado para a ciclovia bidirecional do interior do parque, com 651 metros de extensão e separada do tráfego comum, como principal ligação entre a infraestrutura cicloviária das avenidas Diário de Notícias e Edvaldo Pereira Paiva. O traçado anterior, junto à avenida Padre Cacique, será desativado e destinado ao uso de pedestres.

O diretor-presidente da EPTC, Pedro Bisch Neto, destaca as ações educativas que serão realizadas no local. “Os agentes de trânsito da Escola Pública de Mobilidade vão atuar na ciclovia do Parque Pontal para alertar sobre a importância da percepção dos riscos e do autocuidado no trânsito. Para minimizar os riscos de lesão e o envolvimento em sinistros de trânsito, os ciclistas serão orientados sobre a utilização de equipamentos de proteção individual (EPI), como capacetes, farol e lanterna, e seus direitos e deveres ao transitarem nas vias públicas”, afirma Bisch Neto.

A ciclovia do parque ficou por 90 dias em operação simultânea com a estrutura junto à avenida, em que se verificou ampla segurança e ausência de conflitos durante sua utilização. A sinalização da ciclovia será reforçada para indicar o fluxo para o trecho do Parque Pontal.

“A análise do trajeto da nova ciclovia no entorno do parque, implantada no início do ano, comprovou a inexistência de conflitos com pedestres ou veículos. Assim, vamos adotar este trajeto para oferecer mais segurança aos usuários da mobilidade ativa”, destacou o diretor-técnico da EPTC, Eng.º Flávio Caldasso.

Rede cicloviária - O mapa com a localização de todos os trechos da rede cicloviária implantada na Capital está publicado no Portal de Transparência da Empresa Pública de Transporte e Circulação de Porto Alegre (EPTC), na página do Observatório de Mobilidade, em eptctransparente.com.br. Seu objetivo é disponibilizar amplo acesso às informações de mobilidade da capital gaúcha.

 
Texto: Gustavo Roth
Edição: Gilmar Martins
6 visualizações0 comentário
bottom of page