top of page
  • Foto do escritorEPM

Agentes da EPTC fazem escolta de pulmão para transplante na Capital




Os agentes de trânsito da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) realizaram, nesta segunda-feira, 27, escolta para o traslado de um pulmão para transplante na Capital. Após receber o chamado da Central de Transplantes da Secretaria Estadual da Saúde, às 11h30 desta manhã, os agentes foram posicionados na saída do aeroporto Salgado Filho para dar suporte no transporte do órgão, oriundo de Joinville, Santa Catarina.


Uma das demandas da EPTC é a escolta de órgãos para transplante na Capital. “Trabalhamos para garantir a agilidade e segurança neste tipo de operação. Um deslocamento mais ágil seguro, contribui para a preservação de vidas e minimiza o risco de acidentes”, destaca o diretor-presidente da EPTC, Paulo Ramires.


O deslocamento teve início às 12h30, com trajeto de 12 minutos. Os agentes fizeram o acompanhamento através da avenida Sertório, Farrapos, Dona Margarida, Sertório, Voluntários da Pátria, Castelo Branco, túnel da Conceição, Sarmento Leite, Osvaldo Aranha e Ramiro Barcelos, até chegar em segurança ao Hospital de Clínicas de Porto Alegre.


Com a escolta desta segunda-feira, a Empresa Pública de Transportes e Circulação (EPTC), contabiliza sete escoltas em 2022. Anteriormente, foram acompanhados um pulmão e um rim no dia 10 de janeiro, um coração dia oito de março, dois pulmões, um no dia 14 de março e outro dia cinco de maio e uma criança, com equipamento ECMO de oxigenação extracorpórea (coração artificial externo).

52 visualizações0 comentário
bottom of page